sexta-feira, 28 de junho de 2013

Eventos :: Dia 28 :: Adiados





COMUNICADO



A Secretaria Extraordinária de Cultura do Estado do RN e a Fundação José Augusto comunicam que, por motivo de precaução, em virtude da manifestação prevista para hoje à tarde, na Praça Pedro Velho, no centro da cidade, o Concerto Oficial da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte, bem como o lançamento da Revista do Instituto Histórico e Geográfico do RN, n.° 38 da Coleção Cultura Potiguar, que seriam realizados logo mais às 20h, no Teatro Alberto Maranhão, estão transferidos para outra data, que será posteriormente definida.


Natal, 28 de junho de 2013



Isaura Amélia de Sousa Rosado Maia
Secretária Extraordinária de Cultura




Sergio Cunha Aragão Mendes
Diretor/FJA

Noite de sexta-feira terá lançamento de revista do IHGRN e concerto da OSRN

Programação terá início às 19h, no Teatro Alberto Maranhão

Hoje, 28, o Teatro Alberto Maranhão será palco de grandes acontecimentos para a cultura potiguar. A partir das 19h será lançado, no pátio interno do teatro, o novo numero da revista “Casa da Memória”, do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte. Em seguida, às 20h, o TAM recebe o IV concerto da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte, que acontecerá sob regência de Linus Lerner e participação especial da Cia. de Dança do TAM. Entrada gratuita.



A revista, que será entregue aos sócios do instituto, historiadores e público em geral, faz parte da Coleção Cultura Potiguar, da Secretaria Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto (Secultrn/FJA). O objetivo é estimular, promover e divulgar trabalhos relacionados ao Rio Grande do Norte, dando continuidade ao trabalho de registro da história do nosso Estado.

Fechando a noite, a OSRN interpretará músicas de grandes nomes da nossa música, acompanhada sempre das performances da Cia. de Dança do TAM. E a parceria dos dois não se restringirá a noite de hoje. No segundo semestre deste ano os dois grupos devem embarcar para China, onde se apresentarão sob regência do maestro Linus Lerner. Com isso, a OSRN deverá se tornar a primeira orquestra brasileira a realizar concertos no país chinês, o que aprimorará e trará novas perspectivas para os seus integrantes e também para os entusiastas da música erudita.

SERVIÇO
Lançamento da revista “Casa da Memória” e concerto da OSRN
Teatro Alberto Maranhão
28/06/2013, a partir das 19h
Entrada gratuita
Informações: 3232 5321 (Assessoria de Comunicação). 

Novo número da revista “Casa da Memória” será lançado hoje, no TAM

Noite terá também IV concerto oficial da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte 

Será lançado hoje (28), às 19h, no pátio interno do Teatro Alberto Maranhão, o novo número da revista “Casa da Memória”, do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Norte (IHGRN). Em seguida, a partir das 20h, o público poderá prestigiar o belíssimo IV concerto oficial da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte, que acontecerá com a participação especial da Cia. de Dança do TAM, sob regência de Linus Lerner. Entrada gratuita.


A revista será entregue aos sócios do Instituto, intelectuais, historiadores e público em geral. Edição faz parte da Coleção Cultura Potiguar, que é o projeto do Governo do Estado e é executado pela Secretaria Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto (Secult/FJA).

O objetivo da revista é estimular, promover e divulgar trabalhos relacionados com o Rio Grande do Norte. Junto com a Secultrn/FJA, o IHGRN tem dado continuidade ao registro da história. 

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Sob regência de Linus Lerner, OSRN realiza concerto oficial de junho


Apresentação desta sexta-feira terá participação especial da Cia. de Dança do TAM

Na próxima sexta-feira, 28, o Teatro Alberto Maranhão será palco do IV concerto oficial da temporada 2013 da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte (OSRN). A apresentação, com início às 20h e entrada gratuita, acontecerá sob a regência do renomado maestro Linus Lerner e contará com a participação especial da Cia. de Dança do Teatro Alberto Maranhão.

Sob o comando da OSRN desde setembro de 2012, o maestro gaúcho Dr. Linus Lerner, tem vasta experiência internacional. Sendo Doutor em música pela Universidade do Arizona, o maestro intercontinental já fez apresentações nos Estados Unidos, Espanha, República Tcheca, México entre outros países, além do Brasil. Muito aclamado pelos críticos, Lerner é apontado como um dos músicos mais carismáticos atualmente, e conquista também o público com sua energia e entusiasmo no palco. 

Durante o espetáculo, dividido em dois atos, a OSRN interpretará músicas de grandes nomes da nossa música, e, durante a apresentação a Cia. de Dança do TAM fará performances de cada uma das peças apresentadas. O primeiro momento será marcado por músicas como “Os três covardes” (Tonheca Dantas), “Ranchinho de Paia” (Francisco Elion), “Sete Meninas” (Dominguinhos), entre outros. Já no segundo momento, os grupos prometem encantar com a apresentação de músicas como “O melhor do xotis” (Luiz Gonzaga), “Cantiga” (Clóvis Pereira), “Suite Monette” (Duda) e Gonzaguiana (Ciro Pereira).

A parceria entre a Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte e a Cia. de Dança do TAM não se restringirá ao concerto da sexta-feira. No segundo semestre deste ano os dois grupos devem embarcar para China, onde se apresentarão sob regência do maestro Linus Lerner. Com isso, a OSRN deverá se tornar a primeira orquestra brasileira a realizar concertos no país chinês, o que aprimorará e trará novas perspectivas para os seus integrantes e também para os entusiastas da música erudita.


Sobre a Cia. de Dança do TAM

Vinculada à Fundação José Augusto e com 15 anos de atividades artísticas, a Cia de dança do Teatro Alberto Maranhão desenvolve um trabalho de Danças Contemporâneas e Parafolclóricas, sempre sob a direção da professora Wanie Rose. Em sua trajetória já recebeu 66 prêmios em festivais de dança, passando por várias cidades brasileiras, tais como Joinville, Campos do Jordão, Indaiatuba, Cabo Frio e Fortaleza. O grupo também já ganhou prêmios importantes fora do país, na Alemanha e na Suíça.
SERVIÇO

Concerto “OSRN”
Teatro Alberto Maranhão
28/06/2013, às 20h
Entrada gratuita

Informações: (84) 9112-3512 / 3232 5318 (Luís Antônio de Paiva) / 3232 5321 (Assessoria de Comunicação). 

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Coral Harmus apresenta espetáculo “Ópera Baião”, neste final de semana, no TAM

Espetáculo reunirá música erudita e a música popular de Luiz Gonzaga, uma das mais importantes figuras da música brasileira

Aproveitando o ensejo junino o Coral Hamus apresenta no próximo sábado (29), a partir das 20h, no Teatro Alberto Maranhão, o espetáculo “Ópera Baião”. Sob regência da maestrina Leninha Campos, o grupo promete emocionar com uma montagem inédita que traz a união da música europeia de Antonio Viavaldi e a música marcante do rei do baião, Luiz Gonzaga. Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente na bilheteria do TAM e na Originalle Jóias (Midway e Natal Shopping) pelo valor de R$ 40,00 e R$ 20,00 (Meia entrada).
Unindo o universo popular e erudito, o coral terá como convidados nomes renomados, tais como o do contratenor Rodrigo Ozório e da atriz Jussyane Emídio, além da participação especial da Camerata Luiz Gonzaga. A direção cênica fica por conta de Márcio Rodrigues, enquanto a direção musical é assinada pelo pianista Humberto Luiz.

O Harmus, que faz parte dos grupos artísticos da Secretaria Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto (Secultrn/FJA) já tem em seu histórico apresentações em São Paulo, com o maestro Martinho Luter, e no Rio de Janeiro, com a maestrina Mara Campos. Em 2012, o grupo lançou seu segundo DVD, “Dos Pés à cabeça”, com a participação da Cia. de Dança do Teatro Alberto Maranhão, e participou do lançamento do CD “Brasileiro para ouvir e tocar”, de Humberto Luiz.

SERVIÇO 
Concerto “Ópera Baião” do Coral Harmus
Teatro Alberto Maranhão
29/06/2013, às 20h
Entrada: R$ 40,00 (inteira) / R$ 20,00 (meia)
Ingressos à venda na bilheteria do TAM / Originalle Jóias (Midway e Natal Shopping)
Informações: 8822 8505 (Leninha Campos) / 3232 5321 (Assessoria de Comunicação). 

sexta-feira, 21 de junho de 2013

XIV Mostra da Escola de Dança do Teatro Alberto Maranhão

As apresentação da Mostra de Dança da EDTAM que estavam marcadas para ontem foram canceladas devido às manifestações. A nova data de apresentação será no dia 27 de junho, no mesmo dia e horário previstos na Agenda Cultural. Já a programação de logo mais será mantida, tendo início às 19h, no Teatro Alberto Maranhão.

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Noite de lançamentos na Fundação José Augusto




A noite da última quinta-feira, 13, foi de lançamentos na Galeria Newton Navarro, na Fundação José Augusto. A programação teve início a partir das 19h, com o lançamento do livro “Três Fazendas”, de Afrânio Pires Lemos, 40ª edição da Coleção Cultura Potiguar e da edição de número 26 da Revista Preá. Além disso, a noite contou com a abertura da exposição “Vida e obra de Elino Julião”, no Privado é Público e com o lançamento do edital do III Salão Nordeste de Arte Popular Xico Santeiro.
 


A 26ª edição da Preá, agora editada pelo jornalista Adriano de Sousa, vem com algumas novidades na linguagem visual e editorial, na logomarca, no uso das fotografias, chamadas de matérias na capa, além da própria pauta, que deixa de ser monotemática, embora nesta edição o tema gastronomia, local e universal, seja predominante. Entre as inovações, está a seção “Retratos Potiguares”, que destacará sempre um artista ou intelectual, do Rio Grande do Norte, expondo seu conhecimento e pensamento crítico. O professor caicoense Muyrakytan Kennedy, estudioso do sertão, é o primeiro entrevistado. A Preá também destaca a produção de biografias de importantes artistas do estado, o site Substantivo Plural, o Plano Estadual de Cultura, e uma entrevista com o jornalista Woden Madruga e o escritor Alex Nascimento. 

Já o Privado é Público deste mês destaca a exposição “Vida e Obra de Elino Julião”, com o universo artístico do mestre Elino Julião, formada por peças do acervo particular de Veneranda Julião, viúva do artista. São instrumentos musicais usados por Elino; como sanfona, triângulo e pandeiro; partituras, fotos, coleção de discos em vinil, CDs, documentos e roupas, inclusive o figurino de seu último show. A exposição fica aberta à visitação pública até o dia 1° de julho, das 8h às 17h. 

O outro lançamento da noite, o livro “Três Fazendas”, de Afrânio Pires Lemos, corresponde ao 40ª volume da Coleção Cultura Potiguar, onde o autor retrata personagens sertanejos, paisagens, recantos, costumes e tradições, através de uma novela (Malhada Grande) e dois contos (Paraíso e Condado).

Fotos: Anchieta Xavier

terça-feira, 11 de junho de 2013

Ato fotográfico busca a construção de um repertório na fotografia neste mês de junho

Fonte: FOTO|RN

Neste mês de junho, o Ato Fotográfico que acontece no próximo dia 16, terá a frente do Grupo de Estudos a fotógrafa Paula Geórgia Fernandes, que abordará a influência do Cinema e da Música na Fotografia e em seguida, o Cineasta Buca Dantas abordará seu método de trabalho na construção de documentários e seu mais recente trabalho sobre a Valsa Royal Cinema, de autoria do potiguar Tonheca Dantas e que comemora 100 anos em 2013. A composição de uma obra artística, independente da sua natureza, é conquistada através da influência de outras obras artísticas e seus diversos campos de atuação. Sendo inspiração implícita ou não, A Construção de um repertório é essencial na busca de referenciais que fundamentam tal produção.

O Ato Fotográfico é resultado de uma parceria do Fórum Permanente da Fotografia do RN com a Secretaria Extraordinária de Cultura e acontece mensalmente no Teatro de Cultura Popular, discutindo fotografia com amadores, amantes, artistas e profissionais da área gratuitamente. Em suas edições anteriores o Ato Fotográfico já abordou o tema das Poéticas Visuais e mais recentemente, sobre a Fotografia como Expressão Artística.

 O FOTO|RN foi criado oficialmente em agosto do ano passado, reunindo fotógrafos potiguares participantes de diversas instituições ligadas à fotografia, tanto amadores quanto profissionais. As ações de trabalho após a sua criação já puderam ser vistas, por exemplo, através da ExpoContemporânea 2012, em itinerancia pelo  Estado, reunindo 20 imagens de recente produção fotográfica do RN. O Fórum também atuou na eleição do mais recente Conselho Nacional de Políticas Culturais, onde dos seis delegados eleitos, cinco hoje estão participando do Conselho Setorial de Artes Visuaisl no âmbito nacional. Houve ainda participação ativa nas discussões no Fórum Potiguar de Cultura e mais recentemente, na formulação do Plano Estadual de Cultura, que está sendo finalizado pela equipe técnica. Através dos intercâmbios estabelecidos, com o apoio de várias instituições parceiras - como o SEBRAE, IFRN e OAB -participações em encontros e feiras ligadas à cadeia produtiva da fotografia, resultaram recentemente em parceria com o FOTORIO, Festival de Fotografia do Rio de Janeiro. O Rio Grande do Norte é convidado especial do Festival que acontece em julho deste ano e deve apresentar 20 trabalhos de fotógrafos potiguares na capital carioca.

SERVIÇO:

ATO FOTOGRÁFICO - Junho 2013 – A construção de um Repertório
Onde: Teatro de Cultura Popular (Rua Jundiaí, 641, Tirol, Natal-RN)
Quando: 13 de Junho de 2013, às 19:00h.

ENTRADA GRATUITA

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Secultrn/FJA oferece oficina de "Palhaço Popular"


As aulas fazem parte do ciclo "Fazendo Arte", promovido com o objetivo qualificar a nova geração de artistas do nosso Estado

Encerrando a programação do mês de junho do ciclo de oficinas “Fazendo Arte”, que já contou com as oficinas “Expressão, corpo em cena” e “Preparação vocal para atores”, a Secretaria Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto (Secultrn/FJA) oferece a oficina de “Palhaço Popular”. Ministrada por Alex Ivanovich, a aulas têm início hoje e seguem até sexta-feira (14), das 13h às 17h, no Memorial Câmara Cascudo.

Autodidata, Alex começou a brincar de palhaço já aos 8 anos de idade, em São Gonçalo do Amarante, onde nasceu. Em 1983, juntamente com 5 amigos, fundou a Companhia Circense Alegria, Alegria, primeiro grupo a trabalhar o “circo” no teatro. Atendendo pelo nome “Tamborete de Forró da Silva Banquinho” atua como palhaço no Pastoril Dona Joaquina, em sua cidade natal, e toca na “Xaranga do Riso”, uma banda de palhaços, cuja proposta é resgatar a música do universo infantil.


INFORMAÇÕES: 3232 5307

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Pinacoteca do Estado inaugura exposição “Voar é o seu destino”, de Leila da Cunha Lima

Mostra fotográfica foi produzida a convite do diretor da Pinacoteca, Franklin Jorge e permanece em cartaz até 6 de julho
Leila da Cunha Lima
Será inaugurada nesta quinta-feira, 06, na Pinacoteca do Estado, a exposição “Voar é o seu destino”, de Leila da Cunha Lima. A mostra fotográfica traz diversas imagens das mais variadas espécie de aves como uma metáfora para o pensamento livre, e, é resultado da paixão pela fotografia da também advogada e procuradora do Estado. O coquetel de abertura acontece a partir das 18h, com entrada gratuita e a exposição permanecerá aberta a visitação até o dia 06 de julho.

A mostra será a quarta exposição de Leila da Cunha Lima produzida a partir de viagens pelas mais variadas paisagens naturais. Em vinte imagens, no tamanho 30 x 40, Leila expõe todo o potencial poético de aves como gaivotas, corujas e outros mais diversos passarinhos, passando por céus como o da África, Itália, Nassau e Macaracajaú.  O próximo passo da fotógrafa é lançar o livro “Flores que Encantam o Brasil”, com fotos suas e textos do seu pai, o poeta Diógenes da Cunha Lima.

Serviço: Mostra fotográfica ‘Voar é o seu destino’.
Abertura quinta, às 18h, na Pinacoteca do Estado (Palácio Potengi), Cidade Alta.
 Aberta até 06/07.  

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Abertas inscrições para as oficinas do “Fazendo Arte”


Em junho serão oferecidos três cursos com o objetivo de qualificar novas gerações de atores do nosso Estado

Com o objetivo de qualificar novas gerações de atores, através de aulas ministradas por profissionais renomados do ramo artístico, o Governo do Estado, através da Secretaria Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto (Secultrn/FJA), está realizando o ciclo de oficinas “Fazendo Arte”. No momento, estão abertas as inscrições para as oficinas “Expressão, Corpo em Cena” e “Preparação vocal para atores”, e os interessados devem se inscrever no Teatro de Cultura Popular (TCP), ao lado da FJA, no horário das 9h às 16h.

Voltada para atores, bailarinos e cantores, a oficina “Expressão, Corpo em Cena” segue com as inscrições abertas até o início das aulas, no próximo sábado, 08. Com o apoio do bailarino coreógrafo e professor da Cia de Dança do Teatro Alberto Maranhão, Juarez Moniz, os alunos deverão com o curso obter uma maior percepção de si e do outro, não só em cena, mas também em seu cotidiano. As aulas acontecerão na EDTAM, nos dias 08, 15, 22 e 29 de junho, das 9h às 13h.

Já a oficina “Preparação vocal para atores” receberá inscrições até o dia 15 de junho e terá à frente Alzery Nelo e Pe. Pedro Ferreira. As aulas acontecerão de 15 a 18 de junho, das 14h às 18h30, no Salão Nobre do Teatro Alberto Maranhão. Vagas limitadas.

Bacharel em música pela UFRN, Alzeny Nelo já foi premiada em vários concursos de canto, dentre eles o I Concurso Internacional de Canto da Amazônia. Atualmente é preparadora vocal da Camerata de Vozes do RN, grupo vocal da Secultrn/FJA já com renome nacional e regida por Pe. Pedro.

E encerrando a programação do “Fazendo Arte” para o mês de junho, será oferecida ainda a oficina de “Palhaço Popular”. Ministrada por Alex Ivanovich, o curso receberá inscrições até o início das aulas, no dia 10 de junho. As aulas seguem até dia 14 de junho, ocorrendo sempre das 13h às 17h, no Memorial Câmara Cascudo.

Autodidata, Alex começou a brincar de palhaço já aos 8 anos de idade, em São Gonçalo do Amarante, onde nasceu. Em 1983, juntamente com 5 amigos, fundou a Companhia Circense Alegria, Alegria, primeiro grupo a trabalhar o “circo” no teatro. Atendendo pelo nome “Tamborete de Forró da Silva Banquinho” atua como palhaço no Pastoril Dona Joaquina, em sua cidade natal, e toca na “Xaranga do Riso”, uma banda de palhaços, cuja proposta é resgatar a música do universo infantil.

INFORMAÇÕES: 3232 5307

terça-feira, 4 de junho de 2013

“Chorinho na Praça” acontece nesta quarta-feira, 05, em Ponta Negra

Repertório terá versões para composições de nomes como Luiz Gonzaga,
Dominguinhos, Dorival Caymmi, Alceu Valença, Geraldo Vandré, Zequinha de
Abreu

Nesta quarta-feira, 05, das 16 às 18h, acontece mais uma edição do projeto “Chorinho na Praça”. Dessa vez tendo como pano de fundo a Feira de Artesanato de Ponta Negra, o grupo irá levar o chorinho para as ruas, dando a oportunidade de o público conhecer e escutar gratuitamente a poesia em sons.

Sempre sob a coordenação do professor Alexandre Moreira, os alunos do Instituto de Música Waldemar de Almeida mostrarão o melhor do chorinho com um repertório diversificado e cativante. Durante a apresentação o público que desejar apoiar e prestigiar os tons do choro está convidado a participar e animar ainda mais a festa realizada pelo grupo.

O projeto apoiado pela Secretaria Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto (Secultrn/FJA), acontece, desde o ano passado com muito sucesso, sempre na primeira quarta-feira de cada mês, sendo itinerante, levando o choro para perto do público, de "forma mais descontraída e leve, como deve ser o choro, diferente de um concerto dentro de um teatro", destaca o coordenador Alexandre, "além de ser importante que os alunos saiam das salas de aula e passem a ter prática de apresentação, começando com locais menos catedráticos", conclui o professor.